> Alternativa de Confiança

Bem-vindo ao meu blogue na internet! Sou o candidato do Bloco de Esquerda à Câmara Municipal de Valongo e neste espaço pretendo estabelecer um elo de comunicação com todos os munícipes do concelho. Os principais desenvolvimentos da candidatura serão aqui relatados. Conto, desde já, com o contributo de todos para a discussão das ideias e dos temas que fazem parte do quotidiano dos Valonguenses. Desejo, por isso, que este blogue seja um espaço de partilha das nossas preocupações, das nossas angústias e das nossas ambições quanto ao futuro do concelho de Valongo. Procuraremos, em conjunto, encontrar as soluções e o caminho a seguir, estabelecendo um diálogo permanente com todas e todos os que acreditam que é possível construir uma verdadeira alternativa – uma alternativa de confiança - para mudar o nosso concelho.
Segunda-feira, 31 de Agosto de 2009

"Jogo do empurra" prejudica a população de Alfena

Como é do conhecimento público, o Bloco assumiu como prioridade para o concelho a aposta na qualidade dos serviços públicos prestados no município.

 

Os cuidados de saúde são, sem dúvida, um serviço público essencial para as populações, implicando o empenho das mais diversas entidades, nacionais e locais, na melhoria da sua prestação junto de todos aos utentes.

 

Assim, não podemos deixar de manifestar a nossa preocupação com o verdadeiro "jogo do empurra" de responsabilidades entre o Ministério da Saúde (MS) e a Câmara Municipal de Valongo (CMV) acerca da obtenção de terreno para a construção das novas intalações da Unidade de Saúde Familiar de Alfena. Por um lado, o MS informa que "aguarda a formalização das negociações com a Câmara Municipal de Valongo relativamente à cedência de um terreno para a construção de um novo equipamento de saúde em Alfena", e por outro, o actual Presidente da CMV já manifestou, em reunião da Assembleia Municipal, a indisponibilidade, no momento, de qualquer terreno destinado à construção das novas instalações.

 

Esta situação é lamentável e revela a falta de sensibilidade e de respeito das entidades em causa, não só pelos utentes da USF de Alfena, mas também pela população em geral.

 

Há décadas que as populações de Alfena e de Campo têm reclamado a melhoria das condições de funcionamento dos respectivos centros de saúde, com o Executivo Camarário liderado pelo PSD/PP a desdobrar-se em desculpas por nada ter feito, quando nas mesmas freguesias apadrinha o aparecimento dos Hospitais Privados de S. Martinho e de Alfena, tendo anunciado, recentemente, a instalação de mais um hospital privado e um hotel na urbanização Fonte da Senhora.

 

 

Estes negócios apenas servem os interesses de alguns e destinam-se a uma minoria de pessoas com capacidade financeira, mas a maioria da população não tem acesso a estes serviços.

 

Entendemos a saúde como um bem público a que todos devem ter acesso e não um negócio para benefício de alguns. O Bloco continuará a lutar pela qualidade dos serviços públicos prestados no concelho, colocando sempre as pessoas à frente dos interesses privados. 

publicado por eliseupintolopes às 12:06
link | comentar | ver comentários (1) | favorito

Bloco questiona Ministério da Saúde e Câmara Municipal acerca da construção das novas instalações da USF de Alfena

 

 

Exmo. Senhor Director da
Unidade de Saúde Familiar de Alfena

 
Valongo, 06 de Agosto de 2009

Assunto: Prestação de informação acerca da construção de novas instalações da USF Alfena
Exmo. Senhor Director,
 
 
Na sequência da nossa visita/reunião à Unidade de Saúde Familiar de Alfena realizada no passado dia 03.06.2009, o Grupo Municipal do Bloco de Esquerda, por interpelação do Deputado Fernando Monteiro na Assembleia Municipal, foi informado verbalmente pelo Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal acerca da indisponibilidade, no momento, de qualquer terreno destinado à construção das novas instalações da USF Alfena.
 
 
Entretanto, o Grupo Parlamentar do Bloco de Esquerda, na pessoa do Deputado João Semedo, apresentou na Assembleia da República várias perguntas dirigidas ao Ministério da Saúde relacionadas com as preocupações manifestadas na visita/reunião.
 
Por ofício de datado de 27/07/2009, o Ministério da Saúde por intermédio da Chefe do Gabinete da Sra. Ministra veio dar a resposta que abaixo se transcreve:
“A Unidade de Saúde Familiar (USF) de Alfena entrou em funcionamento no dia 20 de Novembro de 2006, encontrando-se actualmente a prestar cuidados de saúde a 13.686 utentes.
 
Com a entrada em funcionamento da USF de Alfena, a Extensão de Saúde de Alfena sofreu obras de remodelação e beneficiação, tendo sido ainda informatizados todos os postos de trabalho.
O ministério da Saúde aguarda a formalização das negociações com a Câmara Municipal de Valongo relativamente à cedência de um terreno para a construção de um novo equipamento de saúde em Alfena, tendo inclusivamente inscrito, para o efeito, verbas no PIDDAC no valor de 200.000€, para 2009, e de 1.000.000€, para 2010.
 
O Ministério da Saúde prevê a execução do projecto, bem como o início da empreitada durante o corrente ano, com conclusão prevista para 2010.”
 
De facto, tanto quanto conseguimos apurar, o início das obras de construção das novas instalações continua a estar dependente da existência de terreno adequado, sendo certo que este ainda não terá sido cedido pela Câmara Municipal de Valongo, entidade com a qual existem negociações para o efeito, segundo a informação prestada.
 
Da nossa parte, continuaremos a dar toda a atenção ao desenvolvimento deste assunto e a lutar pela rápida construção das novas instalações da USF Alfena.
 
Com os melhores cumprimentos,

O Secretariado,

 

publicado por eliseupintolopes às 11:54
link | comentar | favorito
Terça-feira, 4 de Agosto de 2009

Candidatos do BE na feira de Campo

No passado Domingo, dia 2 de Agosto, o Bloco de Esquerda realizou uma visita à feira semanal de Campo.

Integraram a comitiva do Bloco de Esquerda Eliseu Pinto Lopes,  o candidato à Câmara Municipal, Fernando Monteiro, candidato à Assembleia Municipal, Fernando Fonseca candidato  à Assembleia de Freguesia de Campo, Fernando Guedes, candidato à Assembleia de Freguesia de Valongo, Vitor Ribeiro Guedes, candidato à Assembleia de Freguesia de Alfena, bem como outros elementos das listas do Bloco,  que tiveram uma óptima recepção. Além da experiência do contacto com o público, os candidatos inteiraram-se de alguns problemas que afectam os feirantes.

 

 

   

O candidato à Assembleia de Freguesia de Campo,  Fernando Fonseca, mantem a boa disposição entre os restantes elementos da sua equipa. 

  

A comitiva aproveita uma paragem para trocar algumas impressões acerca dos contactos efectuados com a população e os feirantes. 

publicado por eliseupintolopes às 11:17
link | comentar | favorito
Segunda-feira, 3 de Agosto de 2009

Bloco apesenta propostas e marca a agenda política no concelho

SECÇÃO: Destaque

A CAMPANHA ELEITORAL NO CONCELHO
Eliseu Pinto Lopes (Bloco de Esquerda) apresentou propostas de combate à crise

O candidato do Bloco de Esquerda (BE) à presidência da Câmara de Valongo, Eliseu Pinto Lopes, visitou no passado dia 8 de Julho, o Centro de Emprego de Valongo, tendo, dois dias depois visitado igualmente o Tribunal de Valongo. Após a visita ao Centro de Emprego, Eliseu Pinto Lopes, reflectindo a situação encontrada, divulgou um conjunto de propostas dirigidas à luta pelo emprego e contra a exclusão social. O cabeça-de-lista do BE comentou também algumas iniciativas públicas das candidaturas de Fernando Melo e Maria José Azevedo.

Foto MANUEL VALDREZ
Foto MANUEL VALDREZ

Após a recente visita ao Centro de Emprego de Valongo, Eliseu Pinto Lopes, candidato bloquista à Câmara de Valongo, inteirado do diagnóstico do desemprego no concelho e tendo em conta os dados mais recentes, apresentou publicamente dados sobre a situação. O candidato considerou que «o desemprego no concelho atingiu um nível preocupante resultado do sucessivo encerramento de várias empresas no concelho como aconteceu com a Lear. Os dados confirmam a gravidade da situação, estando inscritos, no final do mês de Maio de 2009, 6 930 pessoas, ou seja, mais 1 514 desempregados que no mesmo mês do ano anterior». destes incritos, cerca de metade em Ermesinde, tendo por isso Eliseu Pinto Lopes apresentado agora a proposta de um balcão de atendimento do Centro de Emprego precisamente em Ermesinde. «A concretização desta medida permitiria, por um lado, descongestionar o Centro de Emprego de Valongo e, por outro, servir melhor os utentes de Ermesinde que poupariam dezenas ou até centenas de euros em deslocações», defende o cabeça-de-lista do Bloco de Esquerda.
Segundo este, «infelizmente, os elementos avançados vieram a confirmar os dados do BE que apontam para um acréscimo superior a 25% de desempregados no concelho em apenas um ano. Estes números demonstram que as prioridades assumidas pelo Bloco no combate à crise social são o caminho certo». Neste contexto, defendeu o candidato, «foi fundamental» a recente aprovação da Recomendação por um Programa de Urgência Social contra a crise, proposta pelo Bloco de Esquerda, na Assembleia Municipal de Valongo e que foi aprovada com os votos favoráveis do partido proponente, PS e CDU, a abstenção do PSD e da presidente da mesa da Assembleia, e um voto contra de um deputado do PSD.
Eliseu Pinto Lopes entende ainda que o município de Valongo revela «graves carências em muitos dos serviços públicos que servem a população em áreas essenciais como a saúde, a justiça, a educação, a segurança, entre outras, com «diversas insuficiências ao nível dos recursos logísticos e humanos nestes serviços».
Recorde-se que o cabeça-de-lista do BE «tem sido uma das vozes activas na denúncia das más condições do Tribunal de Valongo que continua na mesma situação há 14 anos».
Comentando também alguns aspectos da campanha eleitoral, Eliseu Pinto Lopes, dirigindo-se aos seus adversários políticos, “apelou” a que estes se concentrem «mais no debate de ideias e programas para servir o concelho e à elevação do nível da campanha para as autárquicas».
O cabeça-de-lista do Bloco de Esquerda declarou-se «preocupado», a pouco mais de dois meses das eleições, pela «campanha espectáculo para a comunicação social em vez do debate profundo e sereno das propostas para combater o atraso do concelho».
Criticando os seus adversários, Eliseu Pinto Lopes apontou que «a prioridade deve ser a discussão das dificuldades da população e não o show off político vazio de conteúdo e utilidade. Não é por chorar em público ou registar as promessas no cartório à frente das câmaras de televisão que um candidato passa a ser mais sério ou credível que os restantes». Fazendo seu o slogan “Alternativa de Confiança”, o primeiro candidato à Câmara pela lista do Bloco de Esquerda confirmou ainda que «é, por isso, necessária alguma contenção a todos os níveis, sob pena de se defraudarem as expectativas dos eleitores e desacreditar ainda mais a política», referiu.

Por: AVE
in jornal "A Voz de Ermesinde" de 31.07.2009

 

publicado por eliseupintolopes às 16:09
link | comentar | favorito

Hospital de Valongo - Reordenamento Hospitalar da Área Metropolitana do Porto

O candidato do Bloco de Esquerda à Câmara Municipal de Valongo, Eliseu Pinto Lopes, lamenta as declarações prestadas pelo vice-presidente da Administração Regional do Norte (ARSN), Fernando Araújo, a propósito do 4º e último estudo englobado no projecto de ‘Reordenamento Hospitalar da Área Metropolitana do Porto’, no âmbito dos ‘Desajustamentos entre as Necessidades e a Oferta’.

No referido estudo, atendendo aos mais variados critérios, foram apresentados dois cenários de reordenamento para o Hospital de Valongo: a substituição deste hospital por uma unidade hospitalar com maior capacidade assistencial, quer ao nível da carteira de serviços quer ao nível de capacidade física, ou então, a reconversão do Hospital de Valongo, deixando de dar resposta a Utentes agudos, que passam a ser directamente servidos por outro hospital mais diferenciado (nomeadamente o Hospital de São João e/ou o Centro Hospitalar do Porto.

No que respeita ao primeiro daqueles cenários, o estudo não faz qualquer referência à possível localização da nova unidade hospitalar caso viesse a ser esta a solução adoptada, pelo que o candidato do Bloco de Esquerda não compreende a afirmação do vice-presidente da ARSN no JN do passado dia 25/07/2009 quando refere ser “necessário perceber se, a médio e longo prazo, valerá a pena fazer um grande investimento em Gondomar com a construção de um hospital médio”.

Para Eliseu Pinto Lopes esta declaração é precipitada e pode querer significar que o estudo apresenta cenários, mas que na realidade já existem decisões tomadas. Situação agravada pelo facto de tal afirmação surgir numa altura em que o referido estudo acaba de ser colocado em discussão pública até ao próximo dia 15 de Setembro. O Bloco de Esquerda recusa o encerramento ou desqualificação do hospital de Valongo e defende a construção de um novo hospital que sirva os concelhos de Valongo, Gondomar e Maia nos quais não há qualquer hospital público.          

Valongo, 31/07/2009

Eliseu Pinto Lopes

Candidato do BE à Presidência da Câmara Municipal de Valongo

publicado por eliseupintolopes às 16:05
link | comentar | favorito

> mais sobre mim

> posts recentes

> Jantar do BE no Sábado - ...

> Tempos de antena do BE

> Bloco afirma-se como 3ª f...

> PROGRAMA ELEITORAL DO BLO...

> Candidatura do Bloco resp...

> Dia Europeu Sem Carros

> 16 anos depois: "VALONGO ...

> Mensagem de apresentação ...

> Iniciativas do Bloco de E...

> Impasse entre Câmara e Mi...

> Autárquicas 2009: Candida...

> Candidatos do BE na Expov...

> "Jogo do empurra" prejudi...

> Bloco questiona Ministéri...

> Candidatos do BE na feira...

> Bloco apesenta propostas ...

> Hospital de Valongo - Reo...

> Candidatos do Bloco na fe...

> Candidato do BE responde ...

> Campus da Justiça de Valo...

> BE faz aprovar recomendaç...

> Serviços públicos e desem...

> Candidato alerta para o d...

> Dez Prioridades do Bloco ...

> Mensagem de apresentação ...

> Visita às Associações e C...

> Carta enviada às associaç...

> Caminhada à Serra de Sant...

> Apresentação pública da c...

> A apresentação da candida...

> Discurso na apresentação ...

> Candidatura na imprensa -...

> Candidatura na imprensa -...

> Artigo de opinião

> tags

> advogado(3)

> alfena(2)

> alternativa(3)

> ambiente(4)

> apoio(1)

> apresentação(1)

> assembleia municipal(1)

> associações(5)

> associativismo(2)

> autárquicas(1)

> bloco(14)

> blog(1)

> câmara(8)

> caminhada(1)

> campanha(5)

> campo(3)

> candidato(9)

> candidatos(4)

> candidatura(6)

> carta(1)

> cidadãos(2)

> colectividades(3)

> comunicação(1)

> comunicado(1)

> concelho(6)

> confiança(1)

> crise(2)

> democracia(1)

> desemprego(3)

> discurso(1)

> ecologia(1)

> emprego(1)

> esquerda(1)

> executivo(1)

> expoval(1)

> feira(3)

> freguesia(2)

> hospital(1)

> imprensa(4)

> iniciativas(2)

> internet(1)

> jovens(5)

> junta(1)

> juventude(2)

> mensagem(2)

> mobilidade(1)

> opinião(1)

> participativa(1)

> presidente(2)

> prioridades(3)

> programa(4)

> santa justa(1)

> saúde(5)

> serviços públicos(8)

> tribunal(2)

> urbanismo(4)

> valongo(11)

> vídeo(1)

> voto(1)

> todas as tags

> últ. comentários

Tem razão Fátima Macedo, subscrevo na integra o se...
Uma cidade que tinha tudo para crescer em condiçõe...
Bom diaAntes de mais venho dar conhecimento que es...
Caro Eliseu LopesEste comentário não é mais nem me...
Promessas e vergonhaO primeiro-ministro, ou o secr...

> links

> Outubro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


> arquivos

> Outubro 2009

> Setembro 2009

> Agosto 2009

> Julho 2009

> Maio 2009

> Abril 2009

> pesquisar neste blog

 

> Contactos

tel./fax: 224210445 eliseulopes@sapo.pt bevalongo@sapo.pt

> subscrever feeds